quarta-feira, 30 de setembro de 2009


Agente passa a vida acreditando em todas as histórias de amor,
passamos a vida nos permitindo amar e aproveitando cada segundo, muitas vezes corri atraz de quem amava para não disperdiçar o momento, muitas vezes perdoei quem amava pois o amor supera tudo, muitas vezes chorei por quem amava e pra quê? ... pra nada ...
A vida é um grande jogo e normalmente quem é romântico sempre acaba chorando.

E por isso aquela minha velha frase: "... e o amor talvez seja coisa que o poeta inventou"

M.Chavante

2 comentários:

  1. Lindo e adoro ler e pensar no que li! adorei, vou seguir!!! bjossss

    ResponderExcluir
  2. Seja bem vinda querida!! que bom que gostou.. bjuss

    ResponderExcluir